E os sonhos…

Bom, este post vai ser um que venho agendando por dias e dias. Na verdade, desde que eu comecei o blog eu queria fazer ele, mas tudo bem.

Vou falar sobre os meus sonhos, sobre o que quero pra mim, em relação à minha “carreira” literária.

Vamos ao mais primordial deles. A cidade que mais me inspira, cujas curvas e agito são minha fonte de desejo e motivação. HAHA. Vamos falar de New York!

Sabe, meu sonho sempre foi ter um apartamento nessa cidade onde o espaço é disputado à tapas. Sabe, poder morar ali, fazer tudo nessa cidade que me inspira. Vou confessar! Minhas duas maiores motivções quando escrevo:

  • Agradar aos meus leitores/fãs
  • Pensar que o que estou escrevendo pode ser bom o bastante para ser vendido para uma editora, e, talvez, me dar dinheiro o bastante para iniciar uma carreira e morar em Nova York.

Sonho? Demais. E é por isso que vivo.

Logo depois, mas não muito menos importante: ser um escritor na Starbucks!

Essa imagem contem alguns errinhos, como lápis e papel, quando só escrevo pelo Word, mas tudo bem. Vamos ao que importa. Eu escrevo me imaginando dentro de um Starbucks, num dia muito frio, repleto de neve, enquanto eu estou muito bem agasalhadinho e dentro de um Starbucks repleto de murmúrios em inglês. Confesso que nunca ao menos cheguei perto de um Starbucks, mas sou movido pelo desejo de um dia poder ao menos tocar num daqueles copos plásticos de canudo verde.

E por terceiro: sentir neve!

Sério. Sentir aquela coisa gelada na pele, experimentar para saber o sabor, se tiver, é claro. HAHA. Sempre escrevo muitas coisas com neve, sendo que nunca toquei nelas. Coisas que só a Internet fazem acontecer.

Participar de uma noite de autógrafos!

Sim, ter um monte de gente esperando para conseguir um livro que escrevi com um rabisco carinhoso. Sonho desesperadamente com isso. Qual o escritor que não sonha? Ser (re)conhecido por algo de bom que fez. Ver que seu trabalho não é apenas uma mera ilustração de páginas on-line ou do Word? Sonhos, sonhos, sonhos…

Mas, antes de todos eles, o mais primordial: publicar meus livros!

É aqui que todos os outros sonhos se iniciam. É a negação do que as pessoas (principalmente meus pais, HAHA) insistem em me dizer; que escrever livros não me levará a lugar algum, que é apenas uma perca de tempo.

Se eu sonho? Muito.

E são estes sonhos que são o combustível para cada letra digitada, cada frase montada, cada obra iniciada. São os sonhos que me movimentam para continuar buscando aquilo que intensifica-se mais e mais a cada obra começada: a vontade de vencer.

Sonhos, sonhos, sonhos… são eles que vão me levar para terras que as pessoas me disseram que eu nunca iria conhecer.

Anúncios
Etiquetado , ,

5 pensamentos sobre “E os sonhos…

  1. Thai disse:

    “Sonhos, sonhos, sonhos… são eles que vão me levar para terras que as pessoas me disseram que eu nunca iria conhecer.” *—–*
    Eu poderia me encaixar nesse post, só trocando New York por London *—*

    • Maria Raquel disse:

      Sabe, Billy Joel canta uma frase em “Vienna” que diz tudo:

      “Dream on, but don’t imagine that all will come true”

      D., temos sonhos beeem parecidos, mas eu não quero só morar em NY…
      Quero morar em Paris, LA, Roma, Nova Deli, Moscow, em algum paiseco da Europa Ocidental…
      Como faz??

      Se Deus quiser eu ainda me torno uma diplomata famosa!
      (Hey, eu posso sonhar! Hauhua)

    • douglasautor disse:

      HAHAHA. Londres também é linda!

  2. Douglas, adorei. Adorei!!!!!! Vim para agradecer. Seu recadinho virou post la no meu blog. Obrigada de verdade. Conte-me mais sobre sua obra, sua luta. Um beijao, Fernanda. :o)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: